No que consiste os exames de Videoendoscopia Nasossinusal e Videolaringoscopia?

A Videoendoscopia Nasossinusal e Videolaringoscopia são exames endoscópicos do nariz.

São realizados na cavidade nasal, da região posterior ao nariz (nasofaringe/ rinofaringe), orofaringe e laringe.

Como endoscopia utilizamos um sistema câmera e luz adaptada para avaliação de estruturas que estão em cavidades como é o caso do nariz e laringe. Os aparelhos utilizados podem ser rígidos e flexíveis.

É um complemento ao exame físico do paciente, já que são áreas que dificilmente conseguimos avaliar apenas com a iluminação frontal. O objetivo é avaliar a presença das estruturas naturais do nariz, além de suas alterações como os desvio de septo, tumores e pólipos, podemos avaliar as adenoides, as tubas auditivas, a base da língua, e a laringe com as pregas vocais e os recessos, avaliar a movimentação das pregas vocais, a qualidade da deglutição.

Além de ser complementar ao exame físico, muitas vezes ajuda em procedimentos como na retirada de corpos estranhos nasais e na orofaringe. Atualmente temos utilizado as óticas inclusive para avaliação do ouvido!

Videoendoscopia Nasossinusal e Videolaringoscopia

Como é feito o exame?

É um exame rápido, sem necessidade de preparação prévia. Realizamos em consultório com anestesia local, as vezes utilizamos um descongestionante nasal quando o exame é realizado pelo nariz. Uma grande vantagem é que pode ser portátil e assim realizar no paciente internado ou acamado.

Temos duas formas de realizar os exames para visualização podemos usar o endoscópio rígido ou o flexível. O rígido tem qualidade de visão melhor, mais detalhes o flexível por ter um sistema de fibra ótica a qualidade da imagem é um pouco inferior.

Falaremos inicialmente sobre o exame de Videoendoscopia Nasossinusal

Neste exame, nós os otorrinolaringologistas, avaliamos a mucosa do nariz, presença dos marcos anatômicos, presença de secreção, pólipos, tumores e etc.

Cada um tem seu protocolo de exame, com o paciente geralmente sentado, eu inicio avaliando o corredor inferior do nariz, visualizando os cornetos inferiores, estado da mucosa, septo, vou até o fim do nariz onde avalio rinofaringe e as tubas auditivas. Nesse momento podemos fazer algumas manobras e avaliar, por exemplo, o fechamento da rinofaringe com a inspiração forçada, nos casos de queixas de ronco. Nesse momento podemos já descer para a laringe, (e pra ficar mais didático vou falar apenas no nariz, depois podemos voltar) então começo a retirada, e é quando começo a olhar para cima para o corneto médio, meato médio até a saída desta fossa nasal. Depois repete tudo na outra narina.

Agora falaremos sobre a Videolaringoscopia

A videolaringoscopia tem o objetivo de visualizar as estruturas da orofaringe e base de língua. Podemos utilizar o nasofibroscópio. Nesse caso o exame se inicia pelas fossas nasais ou utilizar o telelaringoscópio, que é um endoscópio rígido que na sua ponta tem uma angulação de 70°.

Sentado, o paciente abre a boca e coloca a língua para fora onde o médico vai segurar, ou o próprio paciente pode segurar, é introduzido o aparelho sem tocar nas estruturas da faringe para evitar o reflexo nauseoso. Alguns pacientes têm esse reflexo exacerbado, o que dificulta um pouco, às vezes sendo necessário uso de anestésicos locais.

Iniciamos a visualização pela base da língua, amígdalas, valéculas, epiglote, supraglote com as aritenóides, as falsas pregas vocais, que são as pregas vestibulares, e a glote onde estão as pregas vocais. Observamos cor, presença de alterações como nódulos, cistos, tumores, mobilidade durante a fonação e respiração. De rotina pedimos a emissão da letra “i”. Em seguida observamos a infraglote, traquéia e seios piriformes. E finalizamos o exame.

por admraquelcoelhowp
14 janeiro, 2022

Contatos e Locais de Atendimento

Lifecenter Saúde Integrada

Av. Cardoso de Sá, 312
Petrolina/PE

Marcação WhatsApp

Lifecenter

Agende Online

HGU: CENPRE

Rua Dr. Geraldo Estrela
Petrolina/PE

Marcação HGU

(87) 3866.8282

YouTube

Drª Raquel Coelho

Instagram

@draraquelcoelho.otorrino

Facebook

/draraquelcoelho.otorrino